500 mais

NOSSO FIEL COMPROMISSO COM A VERDADE

segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Pastor da Assembleia de Deus espalha boatos na internet sobre cenas sexo de um suposto livro do MEC


Livro infantil do MEC com cenas de sexo






Circula na internet uma imagem que aponta que um livro infantil que seria distribuído pelo MEC teria uma cena de sexo entre um homem e uma mulher. A imagem foi compartilhada várias vezes no Facebook e Twitter com a seguinte descrição: “Este é um livro infantil do MEC…”.

O texto da imagem diz o seguinte:

“Para fazer um bebê os pais têm que estar muito junto, muito juntos, muito juntos. Tão juntos que o pai mete-se dentro da mãe. Dentro da mãe? Como quando um mergulhador se mete no mar? Não. O que se mete é o pênis do papá na vagina da "mamã". Os adultos gostam muito disso, porque é muito agradável” diz o livro.

A primeira evidência factual que se pode ver é que o livro está em português de Portugal. Faria sentido o MEC lançar como livro didático em português de Portugal?  Tem nexo o livro estar em português ibérico?

Mas afinal, que livro é esse? O livro é “Os Bochechas querem saber como nascemos”, de Pepe Carreiro. Segue link sobre o livro . Você pode ver a coleção aqui =>

Bom, há políticos (se é que se pode chamar assim) que adoram esse tipo de boato polêmico, pois é de absurdos que vive sua imagem e é nos absurdos que a equipe de marketing trabalha a imagem dos mesmos, como é o exemplo do Bolsonaro. E por incrível que pareça, por mais absurdo que seja, esse tipo de filosofia tem seguidores, e o nível dos seguidores é da mesma honestidade intelectual e moral que tem os boatos e as polêmicas que giram em torno do “líder”(sic) que defendem.
os desmentidos e dilema resolvido. O MEC não é responsável por esse livro. Ele é de 2008 e está em português ibérico.


Honestidade tornou-se artigo de luxo em terras tupiniquins, e um sério perigo para quem a tem... Um que nao parece ter: o Pastor Liomar Oliveira, de Sao Joao de Meriti - RJ:


Hipócrita



" O porco "




" A merda já foi feita," retratação só em um tribunal por injúria e difamação "



Olha o crente mentiroso, falsário, espalhador de boatos

@PastorLiomar




























Postar um comentário